sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Cátia Fonseca_Mulheres_Gazeta
Apresentadora versátil, Cátia Fonseca se destaca na audiência (Foto: Divulgação)
Um fato curioso aconteceu na tarde do primeiro dia de 2015. O programa “Mulheres” da TV Gazeta de São Paulo se sobressaiu na audiência e deixou diversas concorrentes para trás.
Embora a atração comandada por Cátia Fonseca não tenha atingido a liderança de fato (o “Mulheres” chegou a ficar em primeiro lugar na audiência instantânea, mas caiu nas correções que são realizadas nos índices um tempo depois, no caso, se falou até em problema no sistema de medição), ficou durante um bom tempo em segundo lugar, à frente de emissoras como SBT, Record e Band, e chegando perto da Globo.
Tal fato só foi possível pelo bom conteúdo apresentado pelo “Mulheres”. No entanto, um ponto crucial que se deve destacar, é a versatilidade da Cátia Fonseca, que sabe falar tanto com a dona de casa, quanto com o jovem e, ao mesmo tempo que diverte, consegue imprimir credibilidade.
Além da ótima audiência alcançada para a Gazeta, Cátia Fonseca também se mostra uma ótima vendedora, afinal, seu programa é um dos maiores faturamentos da emissora.
Se liderou ou não, o fato é que o “Mulheres” atingiu ótimos índices em um dia de share – total de ligados – baixo, deixando para trás diversas emissoras “grandes”, com um programa simples, com qualidade e sem sensacionalismo, algo que se tornou cada vez mais escasso em nossa televisão atual.
Emissora é vice-líder contra a Record
SBT foi a emissora que mais cresceu em 2014 junto com a TV Paga (Foto: Divulgação/ SBT)
Em 2014, a Globo perdeu 5% de audiência em relação a 2013, caindo de 14.3, para 13.5 pontos, no ano passado, na faixa das 7h à 0h. Na contramão, aumentou a participação da TV paga e dos pequenos canais regionais, que cresceram de 6,7 pontos em 2013 para 8,6 em 2014.
Os números seguem a tendência dos últimos dez anos. De 2004 para cá, enquanto a Globo registrou uma queda de 38% na audiência, caindo de 21,7 para 13,5, a TV paga e os canais regionais cresceram 260%, saltando de 2,4 pontos para 8,6 na Grande São Paulo.
Em 2014, o crescimento da Record foi tímido, subindo de 6,1 para 6,2, número que a emissora tinha em 2013. Já o SBT, apesar de fechar o ano em terceiro lugar, foi o que mais cresceu, marcando 5,6, frente a 5,3 em 2013. Já a Band caiu de 2,5 pontos em 2013 para 2,4, em 2014.
ContramãoA Record teve crescimento de 50% de 2004 para cá, saindo de 4,2 para 6,2. O pico da emissora do bispo Edir Macedo foi em 2008, com 8,3 pontos. Nesses dez anos, o SBT perdeu 33% de sua audiência, numa queda de 8,4 para 5,6 pontos. Já a Band tinha 2,1 pontos em 2004 e subiu para 2,4 em 2010: um crescimento de 14%.
As informações são do jornalista Lauro Jardim.


Fonte: http://otvfoco.com.br/audiencia/#ixzz3NhViTZGq

Arquivo do blog

Quem sou eu

Minha foto
SOU RADIALISTA NAS RADIOS : JANDAIA AM E FM , RADIO VALE VERDE FM DE ASSIS CHATAUBRIANT E REDE MASSA FM .